Ana Gehring, a Vagi Sem Neura

Olá, seja bem-vinda!

Eu sou Ana Gehring, a Vagi Sem Neura. Sou fisioterapeuta pélvica especializada em reabilitação de disfunções sexuais femininas. Minha missão é disseminar conteúdo sem censura. Meu propósito é fomentar a educação e o empoderamento feminino por meio do conhecimento do próprio corpo.

Tudo começou em 2016. Eu já atendia há três anos minhas pacientes em consultório (abri em 2013) e eu comecei a me deparar com uma realidade para a qual a faculdade não me preparou. O número de mulheres que desconheciam o seus corpos era muito grande. Algumas não sabiam onde fica o clitóris, outras tinham perdas urinárias e achavam normal, outras tinham dores nas relações sexuais e se fechavam para o assunto, muitas não conseguiam sentir prazer e não conversavam com ninguém. Ou pior, mulheres que não se entregavam ao sexo por questões estéticas, pois se comparavam com “padrões de beleza”.

E o que mais me entristecia era a faixa etária dessas mulheres. Grande parte das minhas pacientes possuem entre 20 e 35 anos. Mulheres jovens, bonitas, cheias de energia, mas que não conseguiam aproveitar suas vidas sexuais do jeito que mereciam. 

Foi então que, numa viagem de férias, eu iniciei despretensiosamente um projeto no Instagram chamado @VaginaSemNeura , com o objetivo de compartilhar meu conhecimento sobre sexualidade, corpo feminino e autoestima. Eu reuni todas as neuras das minhas pacientes e comecei a criar conteúdo para ajudar no desenvolvimento do amor próprio, no autoconhecimento e na valorização de todos os tipos de beleza (e de vaginas). Eu sabia que na internet eu poderia alcançar mais mulheres do que meu consultório comportava.

Hoje, como muito orgulho, o Vagina Sem Neura se tornou uma das maiores comunidades de educação e empoderamento feminino. São posts diários no Instagram, oportunidade de tirar dúvidas e pedir ajuda pelos Stories todos os dias, exercícios de pompoarismo diários em Lives, uma linha de dilatadores vaginais desenvolvida por mim pensando nas minhas pacientes e alunas, vídeos semanais no canal do YouTube, 30 horas de conteúdo em maratonas gratuitas, três cursos com o conteúdo mais moderno da área, mais de 2000 alunas em mentoria, palestras em todo o país, e consultorias e teste mensais para empresas que desenvolvem vibradores e produtos sexuais. 

Eu sei que minha jornada está apenas começando. O Vagina Sem Neura é só um nome engraçado para alguns, um blog para outros, uma página feminista para muitos, ou o perfil de uma doida que resolveu falar sobre vaginas na internet. 

Mas pra mim, o Vagina Sem Neura é um portal de transformação, uma plataforma de apoio na qual tabus são eliminados. O Vagina Sem Neura é uma marca que representa mudança e empoderamento. É o início da educação e autoconhecimento das minhas gurias, para que elas sejam as mulheres que querem e merecem ser. 

Então, eu te convido a vir comigo e mergulhar no lindo universo feminino, onde neuras não tem vez. 

Um beijo da Vagi

Vagi Sem Neura na mídia